Gerir o tempo

Gerir o tempoUma das estratégias mais eficazes para o aumento da organização e da produtividade é a correta gestão do tempo. Assim parece ser consensual que na vida do dia-a-dia, as pessoas possam retirar benefícios de uma boa gestão do seu tempo. E em relação ás crianças e adolescentes? Será igualmente importante que aprendam a fazer essa gestão no sentido de verem incrementada a sua produtividade, por exemplo, em termos de desempenho escolar?

A gestão do tempo é sem dúvida um fator relevante e muitas vezes apontado pelos mais novos como uma preocupação. Hoje em dia, as crianças e adolescentes vêm-se “a braços” com múltiplas tarefas e exigências que incluem a escola, a família, as atividades extracurriculares desportivas ou de lazer e as exigências sociais, fundamentais para um ótimo desenvolvimento enquanto seres humanos. Assim, torna-se cada vez mais importante a gestão do tempo, não apenas no sentido de o “fazer chegar” para tudo, mas também para que este possa ser aproveitado com qualidade e para que haja um bom ajustamento psicossocial.

Gerir o tempoA gestão do tempo é um processo de priorização e organização de tarefas que envolve o seu planeamento e execução, orientados para o melhor aproveitamento do tempo investido nas mesmas, tendo como resultado uma maior produtividade e eficiência. Um dos modelos de gestão do tempo já relativamente antigo mas eficaz é o modelo de 3 fases de Lakein. Este modelo sugere uma primeira fase em que o objetivo é incentivar a criança/adolescente a definir o que realmente é importante para si, de modo a que consiga determinar os seus objetivos a alcançar, ou seja, definir prioridades. Numa segunda fase, a criança/adolescente deverá definir quais são as tarefas que tem pela frente para conseguir realizar de forma bem-sucedida as prioridades que estabeleceu. Isto é, o que é que eu preciso de fazer para atingir determinado objetivo. Na terceira fase a criança/adolescente deverá ser orientada na divisão do seu tempo disponível e na sua distribuição pelas tarefas definidas, começando por aquelas às quais atribuíram maior importância e só depois as outras menos significativas.

Gestão d tempoDeste modo podemos entender a gestão do tempo como uma estratégia para hierarquizar os objetivos pelo seu grau de importância, definir as tarefas, executá-las e monitorizar o seu progresso. Treinar este tipo de estratégias e aplicá-las às exigências do quotidiano tem certamente efeitos benéficos ao nível do autoconceito, autoeficácia, autoestiuma e satisfação das crianças/adolescentes, mas também na redução dos seus níveis de ansiedade que podem por vezes comprometer o seu desempenho. É frequente a criança/adolescente dispersar-se e baixar o seu rendimento escolar, entre outras razões, porque não gere o seu tempo e porque se vê desorganizada e assoberbada com tarefas várias.

Gerir tempoAo aprender a gerir o tempo a criança/adolescente deverá contemplar não só as tarefas inerentes àquilo que gosta e deseja fazer mas também as tarefas decorrentes de obrigações pessoais ou sociais. O desequilíbrio entre estas duas áreas pode tornar irrealista a divisão do tempo e a sua aplicação eficaz.  A objetividade é outro fator muito relevante quando se trata de gerir o tempo, ou seja, todas as tarefas devem ser claras e concretas no sentido da criança/adolescente saber exatamente o que tem que fazer e como fazer, para que se torne fácil estabelecer o limite de tempo necessário a cada uma delas.

Gestão do tempoE como os imprevistos acontecem há que ter um plano b, ou seja, deve ser definido um plano de ação para lidar com as situações inesperadas. Gerir bem o tempo é não só cumprir com o anteriormente planeado mas também saber ajustar o seu plano, ser flexível, perante a ocorrência de um imprevisto sem que algumas tarefas tenham que ficar para trás. Dar mais tempo ao tempo, poderá ser uma forma de ter tempo para se lidar com o inesperado não descurando outros afazeres. Prever no planeamento do tempo intervalos que permitam incluir novas atividades sem que seja necessário sacrificar outras mais importantes, pode ser o ideal!

 

Ajude os seus filhos a gerirem o tempo, ganhe tempo de qualidade e qualidade no desempenho!

 

 

Fonte:

Lakein, A. (1973). How to get control of your time and your life. New York: New American Library.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s